terça-feira, 14 de fevereiro de 2012

SoundCloud

Olá, há algum tempo que não dávamos notícias. Mas estamos aqui para vos dizer que no SoundCloud estão disponíveis algumas gravações que fizemos ao longo dos anos. A maioria não viu qualquer edição. Todas são demos. Iremos colocando mais algumas coisas que encontrarmos no baú sempre que acharmos qualificável :-)

terça-feira, 12 de outubro de 2010

A Mentira


Aloha, é com muita alegria que assinalamos aqui o nascimento de uma nova canção do Estado Sónico. "A Mentira" surge com letra de José Polido, música de Estado Sónico e com produção de Tiago Granja.
A versão que agora podem ouvir não é ainda a versão masterizada. Porém não resistimos a deixar-vos o cheiro de uma canção que nos deixa a todos bastante orgulhosos.
Esperamos que gostem. Prometemos maior brevidade na colheita que se segue :-)
Saudações e até breve.

Podem ouvir aqui: http://soundcloud.com/estadosonico/a-mentira
e no nosso myspace: http://www.myspace.com/estadosonico2007

segunda-feira, 24 de maio de 2010

PARABÉNS PARABÉNS PARABÉNS


O Mestre Lopes levou o seu Sporting de Tomar à Primeira Divisão Nacional de Hoquei em Patins. Grande Lopes, Parabéns!!!
O Estado Sónico passa assim a ter uma representação ao mais alto nível no desporto nacional :-) É sempre a Rock'n'rolar...

segunda-feira, 26 de abril de 2010

Uma Conversa...


Sábado (1 Maio) a CISCO convida José Polido, vocalista dos Estado Sónico para uma conversa sobre música. Os discos que mais influenciaram o letrista daquela banda da Marinha Grande e que o levaram a fazer música vão estar em cima da mesa e no leitor de CD. Depois da conversa, José Polido brinda-nos com a sua selecção musical.
A partir das 22h30 no espaço CISCO na Resinagem, antigo mercado municipal.

25 de Abril...2010




Foi tão bom! Foi mesmo BOM! E este BOM não me refiro apenas à nossa actuação. Foi BOM, estar naquele palco naquele dia, naquele contexto, com Os Bandalhos e os Monomonkey. Foi bom sentir que as pessoas aderiram, que se manifestam, que ainda compartilham emoções. Foi bom sentir que há "recados" que não caiem em saco roto. Obrigado à CISCO e à Câmara Municipal da Marinha Grande pelo convite. Foi bom sair o palco e ter a sensação de ter vivido um momento muito especial nestes anos todos de Estado Sónico. Acho que os meus amigos de banda sentiram o mesmo. A verdade é que para além de berros, birras, desencantos e amuos nada é melhor do que partilhar o palco com vocês, sónicos :-) Obrigado!

Deixo aqui algumas fotos, mais estão no myspace.



Set:

Mudam-se os Tempos Mudam-se as Vontades (José Mário Branco)

Portugal Ressuscitado (InClave)

Tanto Mar (Chico Buarque)

Tourada (Fernand Tordo)

Sangue



ABRIL Vencerá!!!!

sábado, 24 de abril de 2010

terça-feira, 30 de março de 2010

DESERTO










As minhas mãos já souberam criar
As minhas mãos já souberam amar
Agora, cada gesto traz a sombra da dor
A marca ferida do ferro que roubou o amor

Estou perdido num deserto
Despido, sem emoções
Corri atrás da paz e das suas versões
Libertei fúria e espalhei ferrões

A matar queimei a inocência
E perdi-me no concreto
Sem já saber olhar
Sem já saber pensar

As minhas mãos já souberam criar
As minhas mãos já souberam amar
As minhas mãos perderam o poder de encantar
As minhas mãos foram armas
Que não soube controlar

E agora cada gesto dói
Cada silêncio destrói
O que resta do meu ser
Porque a alma pega fogo quando deixa de amar

VERDADE

























Esta fé que me consome
É servida por um deus que não dorme
É desprovida de amor e confiança
É feita de medo
E alimentada de intolerância

Em cada palavra o vazio
De uma verdade surda
Inquestionável
Imutável.
Que em cada gesto, cada olhar
Procura o imoral
Em desprezo pela beleza.

Com uma espada na mão
Na outra um sagrado coração,
Distorcido pela vaidade
Desprovido de amor
Roubado da sua verdade
Apregoa aos ventos
Uma divina vontade
Escrita em sangue
Pela vaidade do Homem

quinta-feira, 11 de março de 2010


As árvores de fogo abraçam o meu espaço
Consomem o meu ar
As árvores de fogo marcam o horizonte da minha janela
Todos os dias se alinham
Como soldados vigilantes da calma aparente dos dias
As árvores de fogo
Abanam possuídas pelo vento
Que sopra para longe o fogo da sua aura
As árvores de fogo adormecem com o dia num lugar sombrio
As suas chamas erguem-se quando o sol se despede
E por momentos breves
Dançam numa volúpia lenta
Que embala o meu ser
As árvores de fogo
Choram a dor dos céus
E como ritmadas goteiras cantam ao chão
As árvores de fogo
Brilham nas alturas
E abraçam-me todos os dias
As árvores de fogo
São as rainhas da minha janela
Embalam o meu olhar incendiando a mente
Espicaçando a liberdade
A flutuarem livremente num eterno fogo-fátuo

quinta-feira, 31 de dezembro de 2009

2010

Desejamos a todos os nosso amigos, familia, inimigos, parceiros, trapaceiros, pulhas, enjeitados, amados, camaradas, palhaços, um GRANDE 2010 cheio de prazer, amendoas, carnavais, sucesso, sexo prazenteiro, dinheiro, trabalho, concertos, teatros, audiencias, ambiencias e como dizia o Senhor, façam o favor de ser FELIZES! Beijos e Abraços ;-)

segunda-feira, 2 de novembro de 2009

Concerto Jorkyball ADIADO!

Queremos informar que por motivos de força maior somos forçados a adiar o concerto agendado para o Jorkyball na Mariha Grande no dia 07 de Novembro.
A Todos pedimos desculpa pelo sucedido.
Nova data será marcada e ainda esta semana a nova data será anunciada.

António Sérgio (1950-2009)



A Rádio morreu mais um bocadinhho hoje. O GRANDE António Sérgio faleceu. Ficamos orfãos de mais um dos grandes criativos da rádio nacional e que a tantos tanto ensinaram na música. Até Sempre!

sábado, 24 de outubro de 2009

Baba em Fio



Lembraram-se de colocar isto no IUTUBI. Obrigado ao gonçalotavenez por o ter feito.
Fica a lembrança ;-)

domingo, 26 de julho de 2009

link link link



um interessante photoblog onde podem encontrar fotos muito interessantes do nosso concerto no Jorkyball. Obrigado ao Peter pelo excelente trabalho.

http://photoslaughter.blogspot.com

sábado, 27 de junho de 2009

Obrigado!





Obrigado! é o que primeiro me apetece dizer aos que organizaram e estiveram no nosso concerto no dia 20 de Junho no Jorkyball na Marinha Grande. Foipara nós uma experiência muito boa. Foi também muito boa a sensação de apresentar canções novas e vêr que o público reagiu a elas. Foi muito bom sentir a banda a trabalhar bem.
Obrigado por fazermos isto funcionar.
Ficam as fotos e a setlist.
Encontramo-nos com vocês em Seyembro com mais novidades.
Namastê

Sangue
Morrer de Pé
Azul
Aranha
Nas Tuas Mãos
Nunca é Tarde
Distância
Pião
Cruel Beleza
O Elevador da Glória (Rádio Macau)
A Janela do Mundo
Sinais de Pânico
Até ao Fim

terça-feira, 16 de junho de 2009



Pois é meus amigos e amigas, é já este sábado e podem ter a certeza que as novas canções vão andar por lá...
;-)

quinta-feira, 11 de junho de 2009

Novas Canções...

Aloha, como estou entusiasmado com o resultado resolvi partilhar com vocês que já parímos 4 novas canções. OK! 3 porque uma é uma cover. O resultado tem sido surpreendente para todos nós. E há mais em calha para trabalhar. Falta é tempo...mas isso é um mal geral e vamos ter de nos entender com o que temos. Porém, estas 4 canções já vão vêr a luz do dia no próximo concerto que é no dia 20 de Junho no Jorkyball na Marinha Grande.
Até breveZ

sexta-feira, 8 de maio de 2009

Ai Ai Ai :-)



Estava tudo tão bem...e correu tão mal. Porém queremos agradecer ao Clinic por nos ter recebido bem e ao Carlitos pela ajuda ;-)
Rock on! em Viseu amanhã!

domingo, 26 de abril de 2009

sábado, 25 de abril de 2009


Braço de Prata já foi. Correu bem, muito bem até para aquilo que esperávamos. Estreámos duas canções novas, "Sinais de Pânico" e uma versão do "Elevador da Glória" dos Rádio Macau e tivemos um convite bastante bom :-)
Agora segue-se o Clinic em Alcobaça já esta sexta feira dia 01 de Maio. Continuamos em maré revolucionária e é isso que precisamos. Beijos e abraços e até sexta feira

E VIVA O 25 DE ABRIL!

terça-feira, 21 de abril de 2009

Fábrica de Braço de Prata















24 de Abril. Vamos re-anunciar a revolução? Vale sempre a pena. Faz sempre sentido. E é do fundo do coração.
Vá lá, quem estiver pelas bandas de Lisboa que apareça na Fábrica de Braço de Prata. Pelo menos os espaço é fantástico e promete sempre coisas interessantes.
O concerto, esse é ás 00:30.
Beijos e Abraços

sábado, 4 de abril de 2009

Quem passa por Alcobaça...

Já lá vão muitos e muitos anos desde a última vez que as nossas canções se ouviram em Alcobaça e como diz a canção, não se passa sem lá voltar. Por isso, lá vamos nós de novo rumo á cidade, que sempre nos acolheu bem e nos deu um dos momentos mais especiais no nosso percurso. Além disso, tocar no Ben era sempre uma aventura :-)
Dia 01 de Maio vamos com muito prazer trabalhar e olhar para Alcobaça noutra perspectiva, porque desta vez é no Clinic.

p.s. - Estamos a trabalhar em novas canções que já vamos começar a experimentar nestes próximos concertos. Pela atmosfera que se tem vivido e pela fluência do trabalho acho que não as devem perder ;-)

terça-feira, 27 de janeiro de 2009

...

Aqui fica o resto do concerto.













sábado, 24 de janeiro de 2009

E o Porto aqui tão perto...



4 datas nas FNAC's do Porto com um resultado bastante positivo foi o que se passou no fim de semana passado. Pena seja que apenas tenhamos tido a possibilidade de ter realizado um concerto com o Nuno atrás da bateria. Tivemos de nos mascarar para os outros 3 showcases mas resultou. O sets foram reduzidos e reformulados porque as exigências de tempo e formação assimo exigiam. Mas deu-nos uma possibilidade de olhar para as nossas canções como já não o faziamos à muito. As subtilezas ficam expostas e temos de lidar com os silêncios de outra forma. Um bom exercício, não foi Luis? :-)
Porém, tocar nas FNAC's é sempre um tiro no escuro, as pessoas não se deslocam para vêr bandas que não conhecem, mesmo que vejam a promoção. Mas sempre houve alguns corajosos que o fizeram e os outros que apanhados nas suas deambulções consumistas, nos emprestaram os ouvidos por uns minutos ou até ao fim e outros houve que repetiram a dose noutro local, noutro dia, a outra hora. Distribuimos os discos e alargamos o círculo e depois rumámos ao conforto do lar, cansados mas felizes. Para a semana há mais...na sala de ensaio ;-)

Set electrico:
Sangue
Azul
Pião
Nas Tuas Mãos
Nunca é Tarde
A Janela do Mundo
Até ao Fim

Set semi electrico :-)
Sangue
Aranha I
Azul
A Janela do Mundo
Nas Tuas Mãos
Pião
Nunca é Tarde
Até ao Fim

p.s. - mais fotos no myspace.

segunda-feira, 19 de janeiro de 2009

João Aguardela (1969-2009)


Hoje é um dia triste para TODA a música Portuguesa, faleceu João Aguardela, vocalista e fundador dos Sitiados e que foi também o mentor de projectos como Naifa, Megafone e Linha da Frente.

Para todos os que sempre se interessaram, para todos os que se disponibilizaram, para todos os que amaram, para todos os que nunca se renderam.

A nossa admiração pela sua obra e contribuição na música portuguesa é enorme.
Ficam as boas recordações e as saudades.
Até sempre João.
José Polido - Estado Sónico

Deixo um texto publicado no Blog d'A Naifa

Faleceu ontem 18 de Janeiro de 2009 em Lisboa o músico João Aguardela, que faria 40 anos em Fevereiro. Vocalista, líder e fundador dos Sitiados, que fizeram enorme furor nos anos noventa, Aguardela foi também o mentor de projectos como Megafone (quatro discos de um trabalho muito pessoal, que cruza a recolha de música tradicional portuguesa com sonoridades electrónicas), Linha da Frente (formado por vocalistas de várias bandas nacionais interpretando textos de poetas portugueses) e A Naifa, o seu mais recente projecto com Luís Varatojo, com três álbuns editados e dezenas de concertos aclamados pela crítica e pelo público.

Criador com capacidades fora do comum, inovador, Aguardela soube antecipar tendênncias e lançar projectos esteticamente inéditos, sempre numa abordagem marcada pela defesa da língua e da cultura portuguesas.

Firme nas convicções, determinado nos objectivos , invulgar na forma de ser e estar na vida, desde sempre grangeou respeito e admiração no meio musical, ainda que nunca tivesse procurado o estrelato.

Vítima de cancro, morreu no Hospital da Luz, aos 39 anos. Deixa uma obra invejável e saudade à família e amigos. Como escreveu o João, «os dias sem ti/ são todos iguais/ são dias sem fim/ são dias a mais».

Ricardo Alexandre, amigo do João.

sexta-feira, 16 de janeiro de 2009

Aí vamos nós...

Aloha, é amanhã que começa a nossa "residência" :-) no Porto para uma série de showcases/ concertos nas lojas FNAC.

16 Janeiro Gaia Shopping 22:00h
17 Janeiro Santa Catarina 18:00h
17 Janeiro Norteshopping 22:00h
18 Janeiro Marshopping 17:00h

Apareçam e divirtam-se. Até breve e Feliz 2009!
Z :-)

quarta-feira, 19 de novembro de 2008

Powerpop

Não me canso desta música nem deste disco. Façam favor de ouvir e ser felizes. Vale a pena!

Ladies & gentlemen i give you: The Broken Family Band

terça-feira, 18 de novembro de 2008

Deixo aqui alguns links para algumas curiosidades que encontrei pela web fora.

http://nasfaldasdaserra.blogspot.com/2008/04/o-regresso-dos-estado-snico-vencedores.html

http://www.brunolemos.com/press/estadosonico.html

http://a-trompa.net/breves/breveso-regresso-dos-estado-sonico/

E para finalizar, estes é que são ajuizados :-) Não percebo uma palavra mas que somos nós isso é verdade :-) será este 作品リスト o nosso nome???
http://info.hmv.co.jp/p/a/000000000169/781.html

domingo, 16 de novembro de 2008

Aloha, no passado dia 08 de Novembro estivemos em concerto na FNAC de Coimbra. Revelou-se um dia cheio de surpresas e algumas boas oportunidades. O concerto correu bem, pena que as pessoas não aparecçam em maior número mas já sabemos como é. Porém, obrigado aos que ficaram e aos que foram passando :-). Obrigado ao João na FNAC por tudo o que nos proporcionou, obrigado ao Nuno Ávila na RUC pela boa meia hora de conversa, obrigado ao Carlos do Culto do Império pela surpresa ;-)...isto parece um album de despedidas, mas não é!!:-)
Posso anunciar que já há músicas a serem trabalhadas, que esperamos em breve poder testar em concerto. O nosso disco já se encontra na base de dados da FNAC e já pode ser adquirido na FNAC em Coimbra, ou ser pedido na restantes FNACs nacionais por quem estiver interessado.
Fotos: Fausto Silva
Podem ouvir a nossa entrevista na RUC no Sinfonias de Aço (http://www.sinfonias.org/) cliquem em "Entrev. Santos da Casa"
Programa da Rádio Universidade de Coimbra dedicado à Música Portuguesa, por Fausto Silva e Nuno Ávila. Diariamente (2a-Dom) às 19h em 107.9FM ou pela emissão online em ruc.pt/emissao.php
Sábados das 15 às 17 horas... duas horas dedicadas à divulgação da nova música nacional... na "LOUSÃ FM" (95.3) (Repetição ás Quintas-feiras no mesmo horário)

terça-feira, 23 de setembro de 2008



Ficam algumas imagens dos bons momentos passados

segunda-feira, 22 de setembro de 2008

Sombras da Fábrica...

Aloha a todos, já há muito que não se colocava nada neste espaço. E muito tempo passou e muitas coisas aconteceram. Desde concertos, casamentos, férias, "despejos", nova sala de ensaio, novos concertos e mais um casamento...começa a ser repetitivo :-)
Na realidade este fim de semana que passou marcou uma nova fase no nosso percurso. O concerto na Fábrica de Braço de Prata correu muito bem. Alegrámos umas hostes, outras não, outras nem por isso, outras assim assim, o que interessa é que reagiram...isso foi sempre a intenção da nossa música. O espaço onde tocámos é propicio a devaneios espirítuais. O próprio conceito da Fábrica de Braço de Prata proporciona momentos e encontros inesperados e que merecem ser vividos com intensidade. Quando cantava "A Janela do Mundo" não me consegui desligar do facto de que estava a tocar num local que outrora foi um dos centros de decisão e fabricação de instrumentos de violência que marcaram toda a nossa existencia. Agora toda a violência que era implicita às decisões que ali se tomavam cruza-se com a sua antítese criando por momentos um limbo de tempo onde todo o mundo se encaixa naquele espaço, e apenas ali faz sentido. Foi estranho, mas fez todo o sentido, que as nossas canções de protesto e de anti-violência se tenham cruzado com o passado naquele espaço que agora respira o saudável ar de uma convergência artistica e espiritual. Visitem e usem e abusem daquele espaço porque vale bem a pena http://www.bracodeprata.org/
Agora vamos começar a colocar em ordem algumas ideias que já fervilham e depois dizemos mais coisas.
Beijos e abraços
Z

terça-feira, 1 de abril de 2008

+ Operário 28 Março

Sangue
Fogo Nú
Azul
Morrer de Pé
Pião
Peixes Embriagados
Nas Tuas Mãos
Nunca é Tarde
A Janela do Mundo
Aranha
##
Segredos
Até ao Fim

Fica para registo a setlist do concerto no espaço +Operário.
Foi um prazer estar lá.

p.s. - quem tiver fotos por favor pode-nos contactar para ziggyswoon@gmail.com queriamos algumas para colocar aqui e no myspace ;-)

sábado, 29 de março de 2008

Região de Leiria. Edição de 28 de Março


Novo disco marca regresso dos Estado Sónico 13 anos depois

“Ouvir o silêncio” marca o regresso dos Estado Sónico, 13 anos depois do primeiro disco. Formados em 1989 na Marinha Grande, a banda pop-rock ressurge em 2008 com formação renovada que integra três elementos fundadores. Na semana passada, apresentaram o segundo disco e a partir de hoje realizam uma mini-tournée para mostrar ao vivo os novos temas. “Dizer que renascemos é cliché, mas é isso que sentimos agora”, admite o vocalista, José Polido. Tantos anos depois, a banda assume “fazer as coisas de outra maneira”, mas sobretudo há a “sensação boa de voltar a tocar e ter um trabalho para mostrar. É indescritível o que estamos a viver”, refere.“Ouvir o silêncio” surpreendeu a própria banda após a releitura do produtor, Marc Jung. “Foi um prazer enorme a redescoberta. Vimos as coisas numa perspectiva que nunca tínhamos visto. As músicas que tinham sido construídas de uma maneira, nasceram de outra forma. Sou suspeito, mas creio que resultaram muito bem. Orgulho-me deste trabalho”, diz. Hoje, os Estado Sónico mostram o novo disco em concerto no +Operário, na Marinha Grande, às 23 horas, com entrada livre. Depois, tocam a 11 de Abril no Festival Overlive, também na Marinha Grande, e no Centro da Juventude de Caldas da Rainha, a 17 de Maio.
Texto de Manuel Leiria

domingo, 23 de março de 2008

Arranque da Silêncio Tour 2008


Pois bem a festa de lançamento já lá vai e correu bem. Foi bom vêr algumas caras por lá e foi pena não vêr outras que esperávamos mas tudo bem! Não sabem o que perderam :-)

Agora é outra estória, sexta feira dia 28 de Março arranca no Sport Operário Marinhense a "Silêncio Tour 2008". Naquela que durante muitos anos foi a nossa casa, vamos dar inicio a uma série de concertos de apresentação do nosso novo trabalho.

23 horas com entrada livre. AH! E isto já não é como dantes, agora os concertos começam a horas. Quem está está, quem não está estivesse...Vá lá, percam a vergonha ;-)
Beijos e abraços

quarta-feira, 12 de março de 2008

"Ouvir o Silêncio" disponível a partir do dia 20 de Março 2008


Aloha, pois já aqui tinha sido referido mas nunca é demais lembrar. "Ouvir o Silêncio" vai estar disponível ao público a partir do dia 20 de Março de 2008. Como a edição e distribuição é nossa ainda não existe uma rede de postos de venda muito abrangente. Por isso, no dia 20 poderão encontrar o nosso disco nos seguintes locais:


Alquimia - Centro Comercial D. Diniz em Leiria

Auditu - Centro Comercial Maringá em Leiria

Livros e Companhia - Largo Ilidio de Carvalho, Marinha Grande


Para os que não podem dirigir-se a estes pontos de venda, podem sempre faze-lo através do nosso blog enviando um e-mail para ziggyswoon@gmail.com . O preço de venda online será de 7 euros, incluindo já portes de envio. As formas de pagamento serão mencionadas no e-mail de resposta que receberão ao colocar o vosso pedido por e-mail.
Podem começar a fazer os vosso pedidos já! :-)
Obrigado

terça-feira, 4 de março de 2008

Do Baú...


Encontrei por acaso estas duas "reviews" publicadas no Blitz e na Revista Ritual nos anos de 1992 e 1993, respectivamente. Já datam do baú mas é sempre curioso. E para os curiosos, podem ler o texto todo aqui http://underrreview.blogspot.com/2007/11/estado-snico.html

quinta-feira, 28 de fevereiro de 2008

20 de Março de 2008



Pois é, 20 de Março marca a data de edição do nosso segundo trabalho. 13 anos depois, e ninguém diria que o viriamos a fazer, até acontecer! Tem sido mais uma viagem de emoções, de encontros, de descobertas, de palavras e ideias que ainda não sabemos muito bem digerir mas que a pouco começam a tomar forma em acções e gestos.
O dia 20 vai ser mais um começo, mais um gesto que se forma, todo ele simbólico, mas por tão inesperado que foi tem um sabor deveras intenso.
Esperamos que a nossa pequena rodela de plástico encontre o caminho dos vossos ouvidos e que vos permita saborear um pouco do inesperado. Seja pela positiva ou pela negativa. Nunca acreditámos na inércia (se bem que todos sofremos de alguma de vez em quando) por isso vamos tentar pelo menos espremer alguma reacção da vossa parte.
Até lá deixo-vos com algumas provas da nossa "fotogenia" captadas pelos olhos do nosso amigo Frederico Barosa.
Beijos e Abraços
ES


segunda-feira, 25 de fevereiro de 2008

quarta-feira, 9 de janeiro de 2008

Ouvir o Silêncio


“Ouvir o Silêncio” é o novo Ep dos Estado Sónico, colectivo oriundo da Marinha Grande, que regressa ao activo após uma longa hibernação de sete anos. Depois de se escutarem os seis temas de “Ouvir o Silêncio”, facilmente se conclui estarmos perante um grupo de músicos competentes e dotados de um apuro técnico que só um processo natural de maturação confere. Sente-se também a deliberada convicção da abordagem estético/musical que (aliás, desde sempre) abraçam: rock (por vezes duro) perfumado de pop (por vezes muito doce), debruado por tramas que as palavras em português (cirurgicamente escolhidas) sugerem. É pois num estado [Sónico] adulto que o colectivo se encontra. Fronteiras bem definidas e delimitadas, e uma sonoridade que o tempo se encarregou de tornar personalizada, conferem-nos a certeza de que, aqui, a única pretensão é a busca do bem-estar…
Não é por isso de estranhar que hoje, seja “apenas” o prazer de tocar e de compor que move os músicos que actualmente formam o grupo: os fundadores José Polido, Luís Guerreiro e Nuno Lopes (todos da formação que se constituiu originalmente em 1989, e que em 1995, viu editado o álbum homónimo de estreia através do selo Fábrica de Sons – os outros eram Tiago Granja, Mário Nicolau e Garry Vicente), e ainda Sérgio Alves e Donato Rosa, cuja importância no seio dos Estado Sónico é, há muito, equitativa entre os demais.
Gravado no cada vez mais proeminente Marduc Studios, e produzido pelo competente norte-americano Mark Jung (que já assinou, com brilho, as produções de, entre outros, Born A Lion, Dapunksportif ou Worship Of The Senses), “Ouvir o Silêncio” mostra-nos seis temas: começa com o potencialmente radiofónico “A Janela do Mundo (cheia de tudo e nada)”, acalma com o aveludado e trip-hopiano “Nas Tuas Mãos (o toque das sereias)”, segue com o simultaneamente contemplativo e empolgante “Azul (o silêncio do fim)”, avança com o hit em potencia de “Nunca é Tarde (ouvir o silêncio)”, curva na quase balada bluesy em crescendo de “Pião (eco)” e termina na visceralidade de “Até ao Fim (a voz)”, como se a banda de Frank Black, em vez de ter composto no castelhano de “Vamos”, se tivesse, antes, afoitado na língua de Camões...
Uma vez findada a fase de composição e produção, os Estado Sónico estão, igualmente, prontos para voltar aos palcos, local onde, afinal, a banda sempre soube estar com elevação e uma energia muito particulares. Só pode ser, pois, com redobrado agrado, que assistimos ao regresso activo “a sério” de uma das bandas mais marcantes que a cidade industrial da Marinha Grande (a mesma do proletariado, a mesma do novo-riquismo, e a mesma das desigualdades sociais evidentes) viu nascer. Parafraseando a simplicidade dos próprios Estado Sónico: “Porque assim aconteceu e porque assim o vamos fazendo acontecer…”.

Pois eis que surge finalmente com o novo ano. Deixamos aqui o texto de press release escrito pelas sábias palavras do nosso Amigo Carlos Matos, a quem agradecemos o contributo e desvendamos um pouco da bela capa feita pela nossa amiga Moniek V. Slycken (http://www.convertiblechaos.com/ ). O resto chegará ás vossas mãos e ouvidos em Fevereiro juntamente com concertos. Porém podem já ter uma leve preview se forem ao nosso myspace, uma das músicas já lá se encontra disponível. Até lá, beijos e abraços.

sábado, 20 de outubro de 2007

Está praticamente feito. A gravação foi concluida, as misturas estão feitas, a capa está praticamente alinhavada, o nome está definido mas não revelado :-) os promenores de edição estão a ser ultimados e pelo meio nasceu de repente a Lara :-)
Curioso que desta vez o processo foi totalmente constructivo. Renascimento das canções, redescoberta de como é bom ser uma banda, nascimento da Maria, nascimeto do segundo disco, nascimento da Lara, redescoberta da sala de ensaio em busca do palco e de novas canções.
Temos de agradecer profundamente a todos os que nos rodearam neste processo, aos que acreditaram, aos que marcaram presença na Fábrica da Palha e que nos deram mais alento, aos velhos do restelo, ao Marc Jung por nos ter recebido e percebido e por nos ter feito perceber. À Moniek pela bela capa que produziu e pela entrega www.convertiblechaos.com
Mais novidades em breve...ah no entanto podem passar pelo nosso myspace que já lá está uma música nova.

domingo, 9 de setembro de 2007

quinta-feira, 30 de agosto de 2007

quarta-feira, 25 de julho de 2007

Deita-me Fogo (1993)


A nossa segunda e última maquete antes de gravarmos. Já lá vão uns anos largos...mas quem é que está a contar?? :)
Daquilo que me lembro, a gravação desta foi mais pacífica, mais controlada, mesmo com os parcos meios que existiam. Lembro-me de estar a por as vozes no sotão do Pedro e de estarmos a acertar som até altas horas da manhã. Lembro-me de vendermos cerca de 50 maquetes no concerto de apresentação da mesma que decorreu no Bar Ben em Alcobaça. Lembro-me do trabalho que deu fazer a capa, com os decalques, o desenho do Tiago, as fotocópias. Lembro-me de andarmos a comprar k7s de empreitada para gravar as maquetes. Lembro-me das fotos tiradas na sala de ensaio que serviram de base para o book da maquete. Lembro-me de ter recebido o primeiro book enviado pelo Mário de Portalegre, que distribuia a maquete. Não me esqueço de que foi muito bom.

Graças ao blog Portugal Underground esta demo está agora disponível para download
Beijos e abraços
Z

domingo, 22 de julho de 2007

Vamos ao segundo??

BREAKING NEWS!!!
Vamos entrar em estúdio no final do mês de Agosto. E mais agora não digo...
Mal podemos esperar :)

hey...again (notícias do lado de lá do mar)

http://www1.travelalberta.com/en-edmonton/
Gostava de deixar aqui este cartao postal daquela que passou a ser a minha cidade nestes ultimos dois anos...(and it feels good to be in Edmonton, Canada`s Cultural Capital 2007) apesar das saudades do mar.
Queria dar tambem os parabens aos Estado Sonico pelo regresso aos palcos, em primeiro lugar aos 50% da formacao original e aos outros tambem for carry on with the legacy...ATE AO FIM...Yeahhh!! Right on boys
Um abraco
greetings from the North
Garry Vic

Tomei a liberdade de colocar este post aqui Garry. Sabes o que isso significa para nós!
Um Grande Abraço
Z

quinta-feira, 5 de julho de 2007






Aqui ficam mais umas fotos do concerto do dia 29. Os nosso beijos e agradecimentos vão para a Carolina

domingo, 1 de julho de 2007

A Magia do momento...






Ainda não tenho muitas palavras para dizer o que sinto ou sequer o que fui sentindo durante o concerto de sexta feira. Acho que falo também por todos nós. Antes pensou-se em muitas coisas, como se valeria a pena estar ali, se algumas canções ainda fazem sentido para além do saudosismo que possam criar em nós e em quem as ouve, entre outros pensamentos menos positivos. Porém quando se instalou a rotina de montar todo o palco e fazer som e por aí fora, começou foi a vontade de tocar e as dúvidas a dissipar. Quando subimos ao palco foi uma emoção muito grande para todos. Estávamos prontos para nos entregarmos a uma coisa que nos dá muito prazer mas que em tempos deixámos de acreditar. E ao levantar os olhos e ver as caras de novo ali à nossa frente, umas novas, outras de sempre e perceber que a curiosidade e a ansiedade também estavam desse lado criou o rastilho ideal para o que se passou em seguida. Poucas foram as vezes que fizemos as coisas no momento certo mas olhando para o que se passou naquela sala temos a certeza de que esta foi uma delas. Obrigado a todos por nos ajudarem a voltar a acreditar nas nossas canções, obrigado por nos voltarem a deixar apresentar essas mesmas canções, obrigado por nos fazerem voltar a gostar de estar em cima do palco.

Fábrica da Palha, Marinha Grande, 29 de Junho de 2007

Sangue
Fogo Nú
Azul
Nunca é Tarde
Pião
Peixes Embriagados
Nas Tuas Mãos
Morrer de Pé
A Janela do Mundo
Até ao Fim
Aranha
##
Segredos
Sangue
Fotos do concerto estão disponíveis no nosso myspace
Pedimos a quem tiver fotos do concerto e que as queira partilhar que as envie para a nossa morada de e-mail

segunda-feira, 25 de junho de 2007

quarta-feira, 23 de maio de 2007





Não serão os cartazes originais mas são dois panfletos que vão promover o concerto de dia 29 de Junho.